Candidato à Câmara desafia administração da INATEL

EDUARDO TEIXEIRA QUER PARQUE PARA AUTOCARAVANAS E PARQUE AQUÁTICO EM VIANA

O deputado e candidato à Câmara Municipal de Viana do Castelo pelo PSD, Eduardo Teixeira, apresentou, durante esta semana um conjunto de propostas e desafios à administração da INATEL, tendo formalizado um memorando de intenções com o objetivo de “impulsionar o turismo social e sénior, a cultura e o desporto de qualidade no concelho”, disse o social democrata.

A criação de um parque para autocaravanas, uma infra estrutura de apoio para os quantos que visitam não só o concelho de Viana como toda a região do Alto Minho, com internet acessível em toda a área do parque, bar, Wc para pessoas com deficiência de mobilidade, com condições de despejo das cassetes do Wc, entre muitas outras valências, bem como, a construção de um parque aquático no Espaço da Saudosa Piscina na INATEL e a recuperação do circuito de manutenção (atletismo) foram apenas alguns dos desafios lançados conscientemente por Eduardo Teixeira, com contrapartidas a proporcionar pela Camara Municipal  e candidatura a fundos comunitários.

O autocaravanismo é um movimento de expressão europeia em crescente expansão, com uma indiscutível relevância económica, social e cultural para o desenvolvimento da região.

Os parques para autocaravanas são infra estruturas básicas de apoio ao turismo itinerante e de promoção do desenvolvimento regional sustentável. São também um instrumento de ordenamento urbano dos locais mais procurados pelos autocaravanistas.

“O Parque do INATEL no Cabedelo, vila de Darque,  tem uma área privativa de grande dimensão de 28 hectares, parcialmente ocupada pelo Parque de Campismo, com acesso direto para a praia, perto do centro da cidade, e com excelentes condições naturais para a construção de um parque para autocaravanas e para um parque aquático”, e que “o Município deve estimular e comparticipar a sua existência criando no futuro uma parceria, dado se tratar de uma infraestrutura pública”, sublinhou.

Referiu ainda, que estas ideias são importantes para o turismo e população da nossa região, farão toda a diferença num concelho que terá no futuro de se afirmar num setor tão estratégico da economia, que sirva para a criação de novas (ou recuperação das existentes) valências e infraestruturas que criaram emprego e atraíram mais visitantes a Viana do Castelo.