PSD ACUSA JOSÉ MARIA COSTA DE ?TIQUES DITATORIAIS?

Presidente da Câmara tenta impedir Eduardo Teixeira de participar nas reuniões camarárias


Os vereadores do PSD de Viana do Castelo acusam o presidente da Câmara Municipal, José Maria Costa, de “tiques ditatoriais, autoritários, anti democráticos e violadores da lei”,por tentar impedir Eduardo Teixeira de participar nas reuniões camarárias.
Uma das propostas apresentadas esta quarta-feira, dia 16 de outubro, na reunião de Câmara, visava a alteração da data e hora das reuniões camarárias, que já há vários anos decorrem às segundas-feiras.
O PSD e a CDU alertaram o presidente da Câmara para a impossibilidade de alguns vereadores participarem neste dia e a esta hora nas reuniões, designadamente a participação de Eduardo Teixeira, uma vez que também é deputado na Assembleia da República e cujo plenário se reúne no mesmo dia, à mesma hora e em Lisboa, sendo preferível mantê-las às segundas-feiras. 
Os Vereadores do PSD propuseram a manutenção do dia e hora habitual, ou em alternativa a terça-feira, sexta-feira à tarde ou sábado, e não obtiveram qualquer resposta.
José Maria Costa não está recetivo às propostas do PSD e CDU. Esta sua atitude vem a negar o discurso apresentado na sua tomada de posse, ocorrida na passada segunda-feira, dia 14, em que dizia que estava disposto a colaborar e trabalhar em conjunto com a oposição, uma vez que o importante é trabalhar para Viana do Castelo.
Eduardo Teixeira, durante a sua candidatura à Autarquia vianense aguentou todas as calúnias e insinuações que José Maria Costa usou como única forma de se defender das propostas apresentadas pelo PSD.
Outra das propostas apresentadas para o Regimento da Câmara Municipal deve-se ao facto de alterar o funcionamento das mesmas quanto à participação dos cidadãos e imprensa, passando a ser apenas uma mensal (a primeira) pública, alterando um hábito antigo de serem todas, o que reduz inexplicavelmente para menos de metade (12 em 26) a possibilidade de participação dos cidadãos vianenses e informação pública. Razões que não foram explicadas!
A proposta de Regimento apresentada surpreendentemente pelos eleitos do PS, mereceu o voto contra de todos os Vereadores.
Atitudes ditatoriais e autoritárias só podem vir de líderes menores, até porque a atitude dos Homens vêem-se também neste tipo de atos e decisões.
Os eleitos do PSD de Viana do Castelo lamentam profundamente as atitudes opressoras por parte do socialista José Maria Costa, que só revelam a sua insegurança e receio na liderança do Município, e participarão aos órgãos competentes, após a discussão da ata, desta reunião à “porta fechada”!